Os políticos são psicopatas! E os outros?

“Eu e muitos espanhóis sofremos uma educação religiosa, uma educação de culpa e castigo. Acho que é uma educação perfeita para criar psicopatas.” (Pedro Almodóvar)

O DR. Pardal estava a explicar á pequena, mas interessada audiência, ou seja, alguns dos clientes habituais do bar do Alfredo, que, os políticos, além de serem uns ladrões, e mentirosos do pior, eram também na sua grande maioria, psicopatas. Ou melhor, eram ladrões e mentirosos porque eram psicopatas, e não tinham empatia nenhuma com os outros seres humanos.
– Mas ó doutor, esses indivíduos tem que ter alguma qualidade para chegarem onde chegaram, observou o Pompeu.
– Mais ou menos meu caro, é preciso ter uma certa disposição para mandar nos outros, estes tipos acreditam que estão qualificados, e moralmente justificados para tomar decisões que modificam, e algumas vezes acabam com a vida de milhões. Fazem isto com a força das armas, leia-se, o estado de direito.
– Então, todos os outros, são uma cambada de burros? Perguntou o Paiva.
– Não necessariamente, porque convém lembrar que, os psicopatas são manipuladores, narcisistas e uns excelentes mentirosos. E no fundo, estão-se a cagar para os sentimentos dos seres humanos “normais”. Muitas das vezes, em crianças, torturaram animais…
– Se é assim, quer-me parecer que conheço alguns. Acrescentou o Alfredo.
– Ser político, significa mentir, e por isso mesmo, é fácil para muitos políticos fazerem o contrário daquilo que prometeram, porque não custa nada abdicar de princípios que não se tem.
– Então estes gajos não gostam de ninguém? Insistiu o Paiva.
– Gostam sim senhor, ou melhor, adoram, mas não é de outros seres humanos, adoram o poder, e adoram vencer. Alguns, e não são poucos, adoram humilhar os vencidos.
– Mas não gostamos todos, ó doutor?
– Em certo sentido sim, talvez por isso a política seduza a maior parte dos seres humanos.
– Mas então, concluiu o Pompeu, sendo assim, só temos duas hipóteses nesta vida, ou somos psicopatas, ou somos uns anjinhos. Quer dizer, de uma maneira ou de outra, estamos sempre fodidos.
Nesse momento entrou no bar o Hugo Tocagaita, a bicha louca da cidade, mais conhecido por Huguinho, com a sua prancha de surf cor de rosa, e arrebitou as orelhas com a ultima palavra.
– Fodidos? Vocês são sempre a mesma merda, combinam as orgias, e nunca me convidam. Deviam ir todos para a política, cambada de mentirosossssss!!!!!!.
Boas ondas.

 

image

 

 

 

 

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s